MAIS NOTÍCIASTénis

Thiem “muito arrependido” pela participação no Adria Tour

O austríaco Dominic Thiem, que participou no Adria Tour, torneio de ténis organizado por Novak Djokovic, do qual resultaram vários casos positivos de covid-19, assumiu esta quinta-feira ter-se tratado de “um erro”, motivado pelo “otimismo” dos jogadores.

“Confiámos nas regras do governo sérvio em relação ao novo coronavírus, mas fomos demasiado otimistas. O nosso comportamento foi um erro, agimos euforicamente. Estou muito arrependido”, escreveu o tenista na rede social Instagram.

Thiem, que participou na etapa de Belgrado do torneio, disse que já foi testado cinco vezes e deu sempre negativo, ao contrário de Grigor Dimitrov, Borna Coric, Viktor Troicki e o próprio Djokovic, número um mundial e organizador do evento.

O Adria Tour é um torneio de exibição de ténis nos Balcãs e a etapa de Zadar (Croácia) acabou por ser cancelada antes da final, devido ao primeiro caso positivo, de Grigor Dimitrov, o que levou também ao cancelamento das etapas seguintes, previstas para Sarajevo (27 e 28 de junho) e Banja Luka (04 e 05 de julho).

O preparador físico de Djokovic, Marko Paniki, e Kristijan Groh, treinador de Dimitrov, também tiveram resultados positivos, bem como a mulher do líder do ranking mundial, Jelena, assim como a de Troicki, que está grávida.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo