MotoGPDESTAQUEModalidadesMotociclismo

MotoGP: Arranque “canhão” ainda fez sonhar

A 16ª etapa do Mundial de velocidade do MotoGP ficou marcada por um dos melhores resultados do ano para o piloto português Miguel Oliveira.

O corredor da KTM terminou o Grande Prémio do Japão no quinto lugar da tabela, numa corrida vencida pelo australiano Jack Miller, numa Ducati.

Oliveira começou a todo o gás, com uma subida do oitavo para quarto lugar. O luso ainda chegou ao terceiro posto, mas acabou por perder essa posição.

Quando faltavam três voltas para a meta, o português foi ultrapassado por Marc Marquez, numa luta tremenda entre os dois e que terminou com o piloto da Honda, oito vezes campeão do mundo na frente de Oliveira.
O pódio ficou fechado com a outra KTM, de Brad Binder, e Jorge Martin (Ducati).

No mundial de pilotos, Fabio Quartararo, que apesar de ter terminado em oitavo, mantém a liderança. Inclusive, ganhou pontos a Pecco Bagnaia, que tentava ultrapassar o rival e acabou por cair e também ao terceiro do mundial de pilotos, Aleix Espargaró, que também não pontuou.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo