DESTAQUEFutebol

Presidente da La Liga: “A FIFA estava por detrás da Superliga Europeia”

O presidente da Liga Espanhola, Javier Tebas, acusou a FIFA de ser impulsionadora da Superliga Europeia num discurso feito na abertura da Plataforma de Aconselhamento de Clubes (CAP) das Ligas Europeias.

«O que estou a dizer agora, que a FIFA estava por trás de tudo isto, não sou eu a dizê-lo, são os próprios clubes», revelou.

«Chamo a atenção para as palavras de Gianni Infantino. Ele responde que ‘há muitos rumores, mas eu reúno-me com quem quero, para ouvir todas as opiniões e ideias novas’. Não negou que se reuniu com os clubes da Superliga porque não pode, há provas. Agora, o que faz é transformar isto num relato favorável, mas a lealdade dele tem de ser para com a UEFA e as competições nacionais», acrescentou, criticando o presidente do órgão máximo do futebol mundial.

O representante das competições profissionais espanholas afirma ainda que o projeto da nova competição apoiada por Real Madrid, Barcelona e Juventus, não está acabado: «A Superliga já acabou? Não! Se entendermos a Superliga como um formato de 15 clubes mais cinco convidados, fechado, que substitui a Liga dos Campeões, esse formato está morto. Mas a Superliga não é um formato, é um conceito que começou há 20 anos com a criação do G14. É um sonho de presidentes de alguns clubes como o Real Madrid».

Hugo Miguel Taveira

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo