DesportoFutebolMAIS NOTÍCIAS

Guineenses querem condecorar selecionador de futebol com medalha Amílcar Cabral

Um grupo de guineenses lançou nas redes sociais uma petição para pedir que o selecionador de futebol do país, Baciro Candé, seja condecorado com a medalha Amílcar Cabral.

“Porque não reconhecer o ‘mister’ Candé com a mais alta distinção do nosso país, pelo feito histórico de ter conseguido três apuramentos consecutivos da seleção nacional para a Taça das Nações Africanas (CAN)?”, questionou Garcia Cardoso, um emigrante guineense no Porto que serve como mentor da iniciativa.

Garcia Cardoso afirma que todos os que possibilitaram o apuramento da Guiné-Bissau para a CAN 2021 – uma proeza que não é fácil de atingir – devem ser felicitados, nomeadamente jogadores, dirigentes da Federação e autoridades respetivas. Mas, por ser o comandante, o treinador merece ser distinguido à parte.

“Não é qualquer um que consegue apurar uma seleção como a nossa, dentro das nossas dificuldades, três vezes para a mais alta competição africana de futebol”, declarou Garcia Cardoso.

A medalha Amílcar Cabral é a mais alta distinção da Guiné-Bissau e normalmente é atribuída a figuras ligadas ao poder do Estado ou Presidentes estrangeiros em visita ao país.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo