DesportoFutebolMAIS NOTÍCIAS

Guilherme Farinha acredita que os clubes guineenses devem apostar mais na formação dos jogadores

Guilherme Farinha, o Diretor Técnico da Federação de Futebol da Guiné-Bissau, afirmou que os clubes nacionais devem apostar mais na formação dos jogadores das camadas jovens.

“Os clubes de futebol da Guiné-Bissau devem apostar na formação dos jogadores porque isso vai minimizar os custos da contratação dos atletas”, afirmou em entrevista a uma rádio local.

Para além de voltar a reforçar o desejo de levar o país aos jogos olímpicos de Paris em 2024 e trazer medalhas, Farinha afirmou que, se o talento atual e futuro for desenvolvido como é de esperar, é possível chegar à fase final do Campeonato do Mundo de 2026 – seria a primeira fase final de um Mundial para a Guiné-Bissau.

Por outro lado, Guilherme assegurou que se houver uma boa organização as seleções de formação não vão só participar nas competições africanas para aprender e fazer número, mas sim para lutar e vencer as provas em causa.

Guilherme Farinha é treinador de futebol desde 1989. Detentor de uma licença internacional FIFA A-PRO, foi selecionador nacional entre 1990 e 1995, regressando ao país em fevereiro para assumir as funções de Diretor Técnico Nacional.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo