DESTAQUEFutebol

Fernando Santos abre as portas da seleção a Otávio

Fernando Santos deixou a porta da seleção nacional aberta para Otávio, jogador do FC Porto que obteve passaporte português.

«Otávio? Tem tempo para chegar à seleção nacional. Chamá-lo antes do Euro? É uma possibilidade em aberto».
O selecionador português lembrou a experiência que viveu com Dyego Sousa, luso-brasileiro que fez apenas dois jogos pela equipa «quinas».

«Assumo a responsabilidade da experiência que tive com o Dyego Sousa. Deu tudo o que tinha, mas percebi que quando se chega tarde é mais difícil», disse, sem querer comparar o caso do avançado com o de Otávio.

A 51 dias do arranque do Euro 2020, as seleções ainda não sabem quantos jogadores vão poder convocar. Há selecionadores como Fernando Santos que defendem uma lista mais alargada que a habitual de 23 futebolistas.
«Os meus colegas lançaram a ideia dos 25 e eu concordo. O Mancini foi o primeiro a contactar-me e a falar-me deste assunto. 23 é um bom número mas neste contexto de pandemia, abrir a possibilidade de termos mais alguém faz todo o sentido», argumentou.

Por último, o técnico campeão europeu por Portugal revelou que já fez uma lista de 35 nomes a partir dos quais terá de retirar dez ou 12 até anunciar a convocatória para a prova.

«Fiz na passada semana uma lista para apertar a malha, que vai sendo reduzida. Essa lista tem 35 jogadores. Foi uma lista feita antes da lesão de Pedro Neto. Se o convoquei para os últimos jogos, é porque tem qualidade e capacidade e estava dentro da lista, mas neste caso teve de ser substituído», atirou, acrescentando que a «probabilidade de jogadores que nunca foram chamados irem ao Europeu é reduzida, mas não nula», afirmou Fernando Santos, em declarações à Rádio Renascença.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo