Covid'19FutebolMAIS NOTÍCIAS

Espanha admite adeptos nos estádios na próxima fase de desconfinamento

O diretor do Centro de Coordenação de Alertas e Emergências Sanitárias, Fernando Simón, admitiu esta terça-feira a possibilidade de os estádios de futebol receberem público durante a próxima fase de desconfinamento em Espanha, dependendo da evolução da pandemia.

Fernando Simón realizou um encontro por videoconferência que contou com a presença da presidente do Conselho Superior dos Desportos, Irene Lozano, do ministro da Saúde, Salvador Illa, e dos jogadores Piqué (Barcelona), Davi Carvajal (Real Madrid), Illarramendi (Real Sociedad) e Koke (Atlético Madrid).

“Discutimos algumas procurações e alguns aspetos chave, como a presença ou não de público nas bancadas. Não se pode dar uma resposta concreta, mas o ministério comprometeu-se a realizar uma avaliação dos riscos. Caso na fase 3, segundo a situação epidemiológica, se possa avançar, avançaremos”, disse.

O diretor salientou que na competição, que regressa no dia 11 de junho, é importante perceber se todas as equipas podem receber adeptos e que o regresso às bancadas só pode acontecer quando todas as regiões tenham condições para o fazer.

“Vamos avaliar os riscos e depende da evolução da pandemia e de como as comunidades autonomias estão na fase 3”, explicou, admitindo a possibilidade de se considerar o regresso dos adeptos aos estádios nessa altura.

Após a declaração de pandemia, em 11 de março, as competições desportivas de quase todas as modalidades foram disputadas sem público, adiadas — Jogos Olímpicos Tóquio2020, Euro2020 e Copa América -, suspensas, nos casos dos campeonatos nacionais e provas internacionais, ou mesmo canceladas.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo