FutebolTOPO

CD iliba Raul Silva do Sporting de Braga

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol voltou a absolver Raul Silva, central do Sporting de Braga, por ter alegadamente feito «manguitos» dirigidos aos adeptos do Benfica, depois da vitória no clube minhoto (1-0), no Estádio da Luz, a 15 de fevereiro deste ano.

Raul Silva foi expulso com um segundo cartão amarelo, já perto do final do jogo, e suspenso por um jogo, por ter feito «gestos provocatórios», depois de ter cerrado os punhos na direção das bancadas, mas o Benfica recorreu do castigo, denunciando que o defesa, já depois da ordem de expulsão, fez «manguitos» para as bancadas.

«A apreciação e o correspondente sancionamento disciplinar de parte dos factos pelo árbitro não permite que o Conselho de Disciplina possa apreciar mais tarde qualquer outra parte, dado que o objeto processual é único e indivisível, uma vez que o poder disciplinar já se encontra esgotado/consumido com a aplicação da sanção a uma parcela desses mesmos factos», explica o CD, no acórdão que dá conta do arquivamento do processo.

Assim ficou «decido julgar improcedente a acusação e, consequentemente, absolver o arguido».

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo