DESTAQUEAtletismo

Okagbare suspensa 10 anos devido a doping

A veterana velocista nigeriana Blessing Okagbare foi suspensa por um período de 10 anos, cinco por usar várias substâncias proibidas e outros cinco por não ter cooperado numa investigação das autoridades antidoping, anunciou a Unidade de Integridade do Atletismo (AIU).

A atleta de 33 anos tinha sido excluída dos Jogos Olímpicos de Tóquio2020, nos quais se apurou para as meias-finais dos 100 metros, devido ao uso de uma hormona de crescimento, detetado no controlo realizado em julho de 2021, ano em que decorreu a competição.

Em outubro último, já depois dos Jogos, a africana foi novamente apanhada nas malhas do doping, desta feita por testar positivo para EPO.

«O sistema desportivo da Nigéria tem falhas e nós, os atletas, somos vítimas colaterais», escreveu Okagbare no Twitter.

A nigeriana faz parte de um grupo de altíssimo nível radicado na Florida. Sagrou-se vice-campeã olímpica de salto em comprimento em Pequim2008 e foi ainda a primeira atleta declarada positiva durante Tóquio2020.

planodesaude.golo.fm

Escrito por: José Carlos Leal

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo