DESTAQUEFutebol NacionalPrimeira Liga

Mais uma suspensão

A polémica que se tem vivido, nas últimas horas no futebol português, sobre o assédio sexual já culminou com duas suspensões de responsáveis técnicos.

O Famalicão deu a conhecer a suspensão imediata de funções de Samuel Costa, por mútuo acordo, depois de o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol ter instaurado um processo disciplinar ao diretor desportivo da equipa feminina por suspeitas de assédio sexual.

«Vou-me defender. Nunca assediei ninguém. Vou-me defender até às últimas consequências», garantiu Samuel Costa ao Observador. O jornal adianta ainda que as suspeitas que recaem sobre o atual diretor desportivo do Famalicão estão relacionadas com o período em que Samuel Costa desempenhava funções idênticas no V. Guimarães, na época 2020/21. Depois de V. Guimarães e antes do Famalicão,Samuel passou pela equipa feminina do Valadares Gaia.

Este afastamento surge um dia depois da também suspensão de Miguel Afonso, treinador da equipa feminina do clube minhoto, após denúncias feitas por jogadoras aquando da passagem deste técnico pelo Rio Ave.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo