DESTAQUEFutebol

Luís Gonçalves administrador da SAD do FC Porto suspenso por 22 dias

O administrador da SAD do FC Porto, Luís Gonçalves, foi suspenso 22 dias e multado em 510 euros depois da expulsão no clássico entre os dragões e o Benfica, dos oitavos de final da Taça de Portugal, realizado na passada quinta-feira e que terminou com vitória dos azuis e brancos (3-0).

Luís Gonçalves foi expulso já dentro do último quarto de hora de jogo, por protestos, depois de um lance que envolveu Roman Yaremchuk e Mehdi Taremi junto ao banco de suplentes do FC Porto, em que o ucraniano encostou o joelho no rabo do avançado iraniano dos dragões. Um lance que motivou grande contestação no banco portista, no imediato.

No mapa de castigos do Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), conhecido esta terça-feira, registam-se ainda multas pesadas a FC Porto e Benfica. Os dragões tiveram um acumulado de multas de 4.998 euros, entre comportamento incorreto do público, arremesso de materiais pirotécnicos, comportamento incorreto dos apanha-bolas e atraso no reinício do jogo.

O Benfica foi multado num total acumulado de 3.774 euros, por comportamento incorreto do público e também por atraso no reinício do jogo.

O mapa de castigos confirma ainda o jogo de suspensão a Evanilson e a Otamendi, expulsos no clássico, no Estádio do Dragão.

Escrito por: José Carlos Leal

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo