DESTAQUEFutebol InternacionalLiga Inglesa

Jermaine Defoe pendura as chuteiras

Histórico avançado inglês anunciou esta quinta-feira a retirada do futebol. Jermain Defoe diz, num texto publicado nas redes sociais, que foi uma “decisão mesmo muito difícil”, depois de 22 anos a jogar futebol profissional.

Começou com 17, em 1999. O futebol vai sempre permanecer no seu sangue, diz também Defoe na nota de despedida. Entre agradecimentos aos colegas de equipa, clubes e adeptos com quem contactou ao longo da longa carreira, Defoe deixa um obrigado especial à sua mãe. O inglês diz que foi ela que lhe deu uma bola aos dois anos, e que fez acreditar que o sonho era real.

Com 39 anos, Defoe deixa para trás um grande legado na Premier League. É o nono melhor marcador de sempre da principal divisão inglesa. Fez 496 jogos, com 162 golos. Foi ao serviço do Tottenham que Jermain Defoe mais se destacou. Esteve no clube durante dois períodos, inicialmente entre 2004 e 2007, e depois entre 2008 e 2014. Passou ainda por clubes como West Ham, Bournemouth, Sunderland, Rangers e os canadianos do Toronto FC.

Pela seleção inglesa, fez 57 jogos e 20 golos. Participou no Mundial de África do Sul de 2010, e no Euro de 2012 da Polónia e Ucrânia.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo