DESTAQUEFutebol

Castigo de Gustavo Sauer do Boavista é para se manter

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol rejeitou o pedido do Boavista para despenalizar o castigo de um jogo aplicado a Gustavo Sauer.

«A secção profissional entende que não se vislumbra indiciado qualquer abalo à credibilidade probatória reforçada de que gozam aqueles relatórios oficiais, pelo que se confirma a factualidade descrita nos relatórios, com as consequências disciplinares previstas no regulamento da Liga Portuguesa de Futebol Profissional. Mantém-se inatacável a materialidade subjacente à decisão do árbitro», justificou o órgão federativo.

Gustavo Sauer, de 28 anos, completou uma série de cinco cartões amarelos na derrota ante o Santa Clara (1-2), na terça-feira, em encontro da 20.ª jornada do campeonato, ao ser admoestado aos 73 minutos pelo árbitro André Narciso, que expôs no relatório que o avançado brasileiro «agarrou um adversário, demonstrando falta de respeito pelo jogo».

O Boavista contestou o castigo, recorrendo a imagens do jogo realizado nos Açores, nas quais se pode ver Ricardinho, do Santa Clara, a agarrar Gustavo Sauer, definitivamente afastado das opções do treinador Petit para o jogo com o Vizela, da 21.ª ronda da I Liga.

«Por incrível que pareça, recebi cartão amarelo neste lance e estou fora do próximo jogo. Deixo para vocês julgarem. Tirem as vossas próprias conclusões», lamentou na quarta-feira o dianteiro, numa publicação nas redes sociais, com o vídeo do lance em causa.

planodesaude.golo.fm

Escrito por: José Carlos Leal

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo