DESTAQUEFutebol

Acusação contra Pepe e Tabata deduzida pelo Conselho de Disciplina

A acusação contra Pepe e Tabata, jogadores de FC Porto e Sporting, a propósito dos incidentes do clássico da 22.ª jornada da Liga, acabou deduzida pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol.

Os atletas foram expulsos quando o jogo já tinha terminado. O internacional português é acusado de pontapear o diretor-desportivo dos leões, Hugo Viana, ao passo que o jogador brasileiro é acusado de empurrar o administrador da SAD portista Luís Gonçalves, cuja acusação, de resto, também foi deduzida.

A acusação da Comissão de Instrutores aponta para um castigo de dois meses a dois anos, o que vai ao encontro aos regulamentos da Liga. Na altura, recorde-se, Pepe e Tabata cumpriram dois jogos de castigo de forma preventiva, enquanto o organismo procedia às investigações.

Após a audiência disciplinar serão decididos os castigos dos dois jogadores. Até decisão final, os jogadores poderão continuar a jogar.

planodesaude.golo.fm

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo