AutomobilismoMAIS NOTÍCIASSobre Rodas

Citroen deixa Mundial de Ralis após saída de Ogier

A Citroen Racing anunciou, esta quarta-feira, que não vai participar no Mundial de Ralis (WRC) em 2020, devido à saída do francês Sébastien Ogier da equipa.

Nas redes sociais, a equipa francesa explicou que decisão foi “consequente à saída de Ogier da Citroen” depois de 2019 e motivada pela “ausência de um piloto de primeira categoria para a temporada de 2020”.

Ainda não se sabe qual será o destino de Ogier, após a saída da Citroen. De acordo com o portal “motorsport”, o seis vezes campeão do mundo vai acompanhar o britânico Elfyn Evans na mudança para a Toyota.

Quem fica de mãos a abanar é o finlandês Esapekka Lappi, que era companheiro de equipa de Ogier na Citroen.

Mostrar Mais
Botão Voltar ao Topo