FutebolMAIS NOTÍCIAS

Guarda-redes do Belenenses SAD João Monteiro com dois testes negativos

O guarda-redes do Belenenses SAD João Monteiro, que tinha testado positivo à covid-19 em 4 de julho, apresentou dois resultados negativos ao novo coronavírus, revelou no sábado o próprio jogador na rede social Twitter.

“Dois negativos, estou curado da Covid-19. Obrigado a todos pelas mensagens de apoio! Vamos lá acabar esta época da melhor forma”, escreveu o guarda-redes na publicação.

O jovem atleta, de apenas 19 anos, testou positivo à covid-19 na véspera da partida diante do FC Porto e, após o encontro, disputado no estádio do Dragão, no Porto, o presidente do Belenenses SAD, Rui Pedro Soares, explicou que o guarda-redes João Monteiro foi “imediatamente isolado” e que o também guardião André Moreira teve “um teste negativo”, mas ficou em isolamento profilático por decisão da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Devido ao resultado positivo de João Monteiro e com André Moreira impedido de jogar pela DGS, o clube apresentou-se no Dragão apenas com Koffi na baliza e sem guarda-redes suplente.

Em 6 de julho, a diretora-geral da Saúde considerou que o protocolo estabelecido para a retoma das competições de futebol foi cumprido no encontro FC Porto-Belenenses SAD.

“Houve um jogador, um guarda-redes suplente, que testou positivo. A autoridade de saúde local encontrou contactos que, mesmo estando assintomáticos e negativos, eram próximos e, portanto, também ficaram impedidos de participar na competição”, afirmou Graça Freitas.

Já na jornada seguinte da I Liga de futebol, a 31.ª, em 11 de julho, o guarda-redes André Moreira abandonou o jogo diante do Moreirense ao intervalo, para cumprir o isolamento de 14 dias ordenado pela DGS.

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) explicou, em comunicado, que André Moreira, testou “negativo ao SARS CoV-2, a 08, 09 e 10 de julho, e, em concordância com o despacho da DGS, o dr. Filipe Froes acabou por dar parecer positivo à convocatória do guarda-redes para o encontro” entre o Belenenses SAD e o Moreirense.

Contudo, o organismo liderado por Pedro Proença anunciou que, “ao intervalo do encontro, foi dada ordem ao atleta para se retirar do campo, por decisão da Autoridade de Saúde Nacional, a dra. Graça Freitas, que confirmou o critério de contacto próximo e isolamento de 14 dias, ainda não cumpridos”.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Veja Também
Fechar
Botão Voltar ao Topo