Bolsonaro pede fim do isolamento

O Presidente do Brasil fez uma declaração ao país sobre a Covid-19 e sublinhou que a vida tem de continuar, pedindo às autoridades estaduais e municipais que reabram escolas e comércio e que terminem o “confinamento em massa”.

“O vírus chegou e está a ser enfrentado por nós. Brevemente passará” disse, Jair Bolsonaro.

Segundo o Presidente de 65 anos, os grupos de risco são as pessoas acima de 60 anos.

Bolsonaro, que já fez dois testes para Covid-19, subestimou a pandemia garantindo que “não precisa de se preocupar”, visto que foi atleta.

As declarações de Bolsonaro foram emitidas no dia em que o Brasil ultrapassou os dois mil casos confirmados da Covid-19, com o país a registar 2 201 infetados e 46 mortos, de acordo com dados do Ministério da Saúde brasileiro.

Partilhar