Leixões sofre suspensão de dois anos do futebol profissional

O Leixões, que venceu esta sexta-feira, o Benfica B, na abertura da Jornada 23 da Segunda Liga, foi condenado a dois anos de proibição da Primeira e Segunda Liga. Esta decisão acontece em consequência do processo “Jogo Duplo”.

O clube de Matosinhos foi condenado ainda ao pagamento de uma multa no valor de 60.000 euros, devido a um crime de corrupção ativa.

Carlos Silva recebeu uma pena de prisão de seis anos e nove meses de prisão, o empresário Gustavo Oliveira, com seis anos e meio além de ter sido proibido de exercer funções de treinador nos próximos três anos.

Rui Dolores foi condenado a cinco anos e meio de prisão, Hugo Guedes levou uma pena de cinco anos e nove meses e João Tiago Rodrigues condenado a cinco anos e dois meses.

Abel Silva foi considerado um dos principais arguidos do processo, foi condenado a dois anos de pena suspensa e proibido de exercer funções desportivas.

Partilhar