Marchesín e Saravia regressam ao Olival

Agustín Marchesín e Renzo Saravia já estão de regresso ao Olival e integraram a sessão de treino desta quarta-feira, depois de terem estado ao serviço da seleção.

Os dois argentinos estiveram castigados no último jogo do FC Porto, frente ao Boavista, por alegadamente terem violado o regulamento interno do clube, numa festa da mulher de Matheus Uribe. O médio e ainda o compatriota Luís Díaz, os outros dois castigados, continuam ao serviço da seleção e ainda não voltaram.

Zé Luís e Tomás Esteves também integraram a sessão, depois de terem estado ao serviço da seleção cabo-verdiana e sub-19 portuguesa, respetivamente.

Neste sentido, Sérgio continua sem poder contar com seis internacionais: Diogo Costa e Diogo Leite (Portugal Sub-21), Mbemba (RD Congo), Matheus Uribe e Luis Díaz (Colômbia), Nakajima (Japão) e Aboubakar (Camarões).

Pepe (treino condicionado e ginásio), Sérgio Oliveira (treino condicionado e ginásio), Romário Baró (treino condicionado e ginásio) e Fábio Silva (treino condicionado) continuam a ser os nomes a figurar no boletim clínico.

O guarda-redes Tiago Estêvão, da equipa de sub-19, voltou a marcar presença na sessão.

FC Porto prepara a receção ao Vitória de Setúbal, da 4.ª eliminatória da Taça de Portugal. Jogo marcado para domingo, às 17h30.

Partilhar