Pinto da Costa “Quem não tem categoria para arbitrar não pode ir para o VAR”

FC Porto's President Jorge Nuno Pinto da Costa during a training session at Olival training center prior their UEFA Champions League Group G soccer match against Besiktas, in Vila Nova de Gaia, Northern of Portugal, 12 September 2017. JOSE COELHO/LUSA

Pinto da Costa, presidente do FC Porto, volta a deixar duras críticas às arbitragem, na sequência da vitória do Benfica em Vila do Conde, contra o Rio Ave, por 3-2. O representante máximo dos dragões criticou Bruno Paixão e Bruno Esteves, dois videoárbitros.

“O Conselho de Arbitragem, e bem, no final da temporada passada viu que havia árbitros sem condições para apitar, que foram o Bruno Paixão e o Bruno Esteves. Deixaram de apitar e, para estarem calados e não protestarem, colocaram-nos no videoárbitro. Mas um indivíduo que não tem categoria para arbitrar não pode ir para o VAR”, disse, em entrevista ao “O Jogo”.

O presidente do FC Porto acredita ainda que o campeonato ficou definido em três partidas do Benfica.

Pinto da Costa sobre Padres e Sacristias

À entrada para a última jornada, o FC Porto precisa de vencer o Sporting, em casa, e esperar que o Benfica perca, em casa, contra o Santa Clara. Dois jogos que se disputam no sábado, às 18h30.

Partilhar