O Sporting emitiu um comunicado esta segunda-feira, no qual manifestou repúdio pelas agressões ao árbitro Sérgio Magalhães. Em causa está a prestação do árbitro da AF Porto, que inclusive foi alvo de críticas por parte da estrutura leonina.

No mesmo comunicado, os leões criticam também a atuação do presidente da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), Luciano Gonçalves, que, segundo os verdes e brancos, acabou por reconhecer indiretamente que o Sporting teria razões de queixa.

"Tomando conhecimento das palavras que alegadamente foram dirigidas ao árbitro Sérgio Magalhães através das quais lhe terá sido dito 'não nos voltas a roubar', o presidente da APAF, Luciano Gonçalves, se tenha apressado a associá-los ao Sporting. Não deixa, por isso, de ser relevante constatar que, à luz destas declarações, também o presidente da APAF considera que a arbitragem do jogo três da final do 'playoff' do campeonato nacional de Futsal foi um verdadeiro escândalo em benefício do Sport Lisboa e Benfica", pode ler-se no comunicado.

O Sporting aproveitou, ainda, para desejar as "rápidas melhoras" ao árbitro Sérgio Magalhães.

O dérbi lisboeta deste domingo acabou com a vitória do Benfica. Os encarnados têm agora duas vitórias e podem ser coroados campeões já esta quarta-feira, no Pavilhão da Luz.

 

Newsletters

Subscreva gratuitamente as newsletter e receba o melhor da actualidade desportiva e as nossas promoções.