Roger Federer é o novo número um mundial de ténis. O suíço beneficiou da queda precoce de Rafael Nadal, em Madrid, para recuperar o primeiro posto do "ranking" ATP, que teve nova atualização esta segunda-feira.

Nadal não só caiu para segundo, como tem, agora, Alexander Zverev a "morder-lhe" os calcanhares. O jovem alemão, de 21 anos, consolidou o terceiro lugar com a vitória no Masters 1000 de Madrid. Kevin Anderson subiu ao sétimo lugar do "ranking", Dominic Thiem caiu para oitavo.

No quadro português, João Sousa subiu uma posição e é, agora, 47.º do mundo. Gastão Elias, que chegou às meias-finais do Challenger de Braga, subiu cinco degraus e está novamente às portas do "top-100", em 107.º. A grande ascensão, contudo, é de Pedro Sousa, que foi coroado em Braga: uma escalada de 15 posições, para o 129.º posto do "ranking" ATP.

João Domingues teve semana positiva e subiu oito lugares, para 210.º. Em sentido inverso, Gonçalo Oliveira e João Monteiro perderam três posições e passaram para 217.º e 269.º, respetivamente. Frederico Silva continua em 287.º, enquanto Frederivo Gil desceu um degrau, para 428.º.

 

Newsletters

Subscreva gratuitamente as newsletter e receba o melhor da actualidade desportiva e as nossas promoções.