O Mónaco oficializou, esta quinta-feira a rescisão de contrato com o treinador português Leonardo Jardim.

O técnico não resistiu aos maus resultados no arranque de campeonato. O emblema monegásco está em 18º lugar da Ligue 1, com apenas uma vitória em nove jornadas, e seis pontos somados.

Esta era a quinta temporada do treinador português ao serviço do Mónaco, que trocou o Sporting pela liga francesa em 2014.

Leonardo Jardim foi o responsável pela quebra da hegemonia do Paris Saint-German, ao sagrar-se campeão francês em 2016/17.

Em declarações reproduzidas no site do clube, Jardim deixou uma mensagem de despedida aos adeptos: "Estou agradecido e orgulhoso por ter treinado o Mónaco por mais de quatro anos. Sempre dei o meu melhor e trabalhei com paixão".

"Conseguimos grandes vitórias e sempre vou guardar essas memórias comigo".

Vadim Vasilyev, vice-presidente do Mónaco, descreveu a passagem do treinador português pelo clube como "uma das páginas mais bonitas da história do Mónaco".

Ao longo da carreira, o técnico oriundo da Madeira representou o Camacha, Chaves, Beira-Mar, Braga, Olympiakos e Sporting.

 

Newsletters

Subscreva gratuitamente as newsletter e receba o melhor da actualidade desportiva e as nossas promoções.