O presidente do Conselho de Arbitragem (CA) da Federação Portuguesa de Futebol, José Fontelas Gomes, reconheceu, esta quarta-feira, falhas no sistema de videoárbitro (VAR), com que Portugal tem sido pioneiro.

No congresso do Sporting, chamado "Future of Football", o dirigente federativo fez um balanço positivo da implementação da medida.

Tem tido bastante sucesso, não sempre como nós queríamos, como em certos casos se tem notado, mas estamos certamente no bom caminho e temos feito tudo aquilo que está ao nosso alcance para melhorar aquilo que tem sido a nossa experiência com esta ferramenta", assumiu.

 

Newsletters

Subscreva gratuitamente as newsletter e receba o melhor da actualidade desportiva e as nossas promoções.