André Geraldes e mais três pessoas terão sido detidas a propósito das buscas da Polícia Judiciária (PJ) nas instalações da SAD do Sporting, com mandados de detenção, no âmbito da investigação a alegada corrupção no andebol e no futebol do clube, segundo avança a CMTV.

Os detidos serão o "team manager" do Sporting, assim como Gonçalo Rodrigues, funcionário do gabinete de apoio ao atleta do clube, e Paulo Silva e João Gonçalves, ambos empresários, conforme a CMTV. As buscas envolvem a Unidade nacional de Combate à Corrupção.

De acordo com o "Correio da Manhã", a PJ terá alargado o âmbito da investigação ao alegado esquema de suborno a árbitros no andebol e um dos encontros sob suspeita, no futebol, é o Vitória de Guimarães-Sporting, da terceira jornada da I Liga, que terminou com goleada dos leões, por 0-5. A PJ estará a tentar determinar se houve alguma tentativa de corrupção, por parte dos dirigentes leoninos.

 

Newsletters

Subscreva gratuitamente as newsletter e receba o melhor da actualidade desportiva e as nossas promoções.