O AEK Atenas, clube em que atuam Hélder Lopes e André Simões, foi confirmado como o novo campeão grego de futebol, após a federação local (EPO) ter confirmado o castigo da perda de três pontos do PAOK Salónica.

A duas jornadas do fim da liga grega, a formação da capital segue com oito pontos de vantagem sobre o PAOK, segundo classificado, mas caso a federação recuasse na sanção ao emblema de Salónica, o AEK ficaria ainda a um ponto de confirmar o seu primeiro título em 24 anos e o fim da hegemonia do Olympiacos, vencedor das últimas sete edições.

No domingo, o AEK já tinha feito a festa no relvado, no triunfo caseiro por 2-0 sobre o Levadiakos, com Hélder Lopes e André Simões a titulares, mas faltava a confirmação da federação grega.

O organismo que rege o futebol helénico impôs a dedução de três pontos e uma multa de 63 mil euros ao PAOK Salónica, clube em que joga Vieirinha, campeão europeu por Portugal, depois do presidente Ivan Savvidis ter entrado em campo armado, precisamente num duelo com o AEK, em 11 de março.

O dirigente, que contestava um golo anulado à sua equipa, foi banido durante três anos e teve que pagar uma multa de 100 mil euros.

O PAOK ainda apresentou recurso, mas esta segunda-feira a federação grega confirmou o castigo.

 

Newsletters

Subscreva gratuitamente as newsletter e receba o melhor da actualidade desportiva e as nossas promoções.