Andy Murray afirmou, esta terça-feira, que espera regressar à competição em Wimbledon, no início de julho.

"A recuperação está a ser muito lenta, estou fora há quase um ano, é muito mais tempo do que eu a minha equipa esperávamos. Comecei a treinar há dias e espero estar em forma para a relva", revelou o jogador. 

O tenista britânico está parado devido a uma lesão na anca desde o ano passado, contraída precisamente em Wimbledon, quando foi eliminado nos quartos de final.

O torneio inglês vai-se realizar entre 2 e 15 de julho. Antes disso, Murray pode apresentar-se no torneio de Queens, onde já saiu vitorioso por quatro vezes (2009, 2013, 2015 e 2016), que se disputa entre 18 e 24 de junho, em Londres.

 

Newsletters

Subscreva gratuitamente as newsletter e receba o melhor da actualidade desportiva e as nossas promoções.