Clássico entre Sporting e FC Porto sem golos

Sporting e FC Porto empataram, este sábado, sem golos, no Estádio de Alvalade no clássico da Jornada 17 da Primeira Liga.

As grandes oportunidades de golo surgiram somente na 2.ª parte. Casillas brilhou num lance em que se gritou golo. Marega também podia ter desfeito o ‘nulo’ no marcador, mas o clássico terminou sem golos.

Jogo intenso mas muito equilibrado nos primeiros 25 minutos, embora com alguns nervos à mistura. A primeira jogada mais perigosa surgiu apenas aos 27′, num lance em que a defesa ‘leonina’ cedeu um canto e evitou males maiores na sua área.

Ambos os atques demontraram muitas dificuldades para “furar” as defesas adversárias, num jogo marcado por muitas faltas a meio-campo e que originou alguns cartões.

Aos 32′, Nani teve uma boa ocasião de inaugurar o marcador com um remate de primeira, mas sem o sucesso pretendido. Por esta altura, sinal mais para a equipa da casa, Bruno Fernandes a dar outra intensidade nas movimentações do Sporting. O ‘nulo’ ia premiando a eficácia defensiva.

Ainda antes do intervalo, Sérgio Conceição foi obrigado a mexer na equipa, saída do lesionado Maxi Pereira, entrada de Óliver Torres.

Após o intervalo também o lateral direito do Sporting, Bruno Gaspar, saiu por lesão e entrou Ristovski.

Os ‘leões’ tentaram ataques rápidos para surpreender os ‘dragões’, que iam, de forma mais organizada, espreitando a área adversária. E passados 10 minutos, foi o FC Porto que quase ia marcando, valendo na baliza de Renan, que, entretanto, sofreu uma falta na pequena área.

Aos 60′, de novo o FC Porto, Marega ganhou a bola e rematou por cima da baliza num lance claro de golo. Mais FC Porto nesta altura. Pouco depois, um remate de Bruno Fernandes obrigou Casillas a defender no chão. Quase se gritou golo perto dos 70′ quando Bas Dost surgiu isolado frente a Casillas, mas um corte ‘in extremis’ da defesa ‘azul e branca’.

Nos minutos seguintes assistiu-se ao momento do jogo num remate do meio da rua de Gudelj com uma excelente defesa de dono da baliza, Casillas.

O empate interessa mais ao FC Porto, agora com 43 pontos, e que continua confortável na liderança com mais cinco pontos do que o Benfica, segundo da tabela. O Sporting mantém-se quarto classificado, com 35 pontos após a 17.ª jornada da I Liga de futebol.

De notar ainda que os dragões´ interromperam uma série de 18 jogos consecutivos a vencer em todas as competições e osleões` perderam pela primeira vez pontos em casa esta temporada na I Liga, ao nono encontro.

Partilhar