Centenária em queda livre

Nunca é demasiado tarde para um recorde do mundo.


Irene O’Shea que o diga. Aos 102 anos de idade tornou-se na pessoa mais idosa de que há registo a praticar queda livre.


O recorde é para ser batido, desde que saltou pela primeira vez, quando completou 100 anos, a australiana tem saltado sempre pelo aniversário.


O objetivo é chamar a atenção e recolher fundos para a luta contra a Doença do Neurónio Motor, que vitimou a sua filha há alguns anos.

Partilhar